fbpx

O que 2020 nos ensinou sobre saúde?

/, Notícias da Cidade/O que 2020 nos ensinou sobre saúde?

Dizem que 2020 vai nos deixar muitas lições, mas, se tratando de saúde e o autocuidado, será que aprendemos alguma coisa?

 

Esse ano tem sido muito desafiador, não só para nós da saúde mas para todo mundo que precisa sair de suas casas para trabalhar ou que está em isolamento desde o início da pandemia.

Quem acompanha minha coluna, sabe como gosto e enfatizar a importância da prevenção de doenças, sobre se conhecer e o autocuidado.

Esse ano veio pra nos mostrar ainda mais o quanto isso é importante.

O Coronavírus é uma doença altamente contagiosa e de um comportamento que ainda gera dúvidas. Por isso, falar sobre essa doença, diz respeito sobre se cuidar e a cuidar do próximo pois um comportamento irresponsável meu pode arriscar outras pessoas.

Mas nem só de pandemia vive o homem! Ao longo do ano, tivemos inúmeras campanhas falando sobre a importância de se cuidar e da prevenção.

As vezes escuto relatos de pacientes e amigos, falando que gastam rios de dinheiro com lanches, mas não tem coragem de dar um centavo em um check-up anual.

Algumas pessoas já me disseram também, que tem vergonha de se tocar, se conhecer, se sentir e buscar ajuda quando percebem algo errado.

O nosso corpo fala muito mais do que a gente imagina. Ele dá sinais. Nós que não prestamos atenção ou temos medo de encontrar algo que possa ser sério. Mas sabe, não seria melhor encontrar algo no começo onde ainda existe tratamento ou cura?

Eu percebo com todos os relatos que recebo, que muitos aprenderam esse ano sobre o valor da sua saúde, de se cuidar e tomar atitudes mais conscientes de cuidado com quem está em volta. Porém, em compensação gente, tenho visto inúmeras pessoas que continuam sem levar não só a pandemia a sério, mas que tem atitudes de auto destruição com a sua saúde e não se importam com isso.

Falar sobre saúde mental também nunca esteve tão em alta não é mesmo? Vimos a frágil linha entre o adoecimento físico e o mental. Como mesmo distantes nesse momento, precisamos uns dos outros, mesmo que online, afinal, antes mesmo da pandemia as pessoas já viviam conectadas!

Contudo, até isso precisa de um limite se tratando de saúde mental, pois a realidade das redes sociais nem sempre é igual a da vida real.

Resumindo, falar sobre saúde e ter atitudes positivas sobre isso nunca foi tão importante. Encontrar o equilíbrio entre a saúde mental e física nesse momento de crise não tem sido fácil.

As lições sobre higiene e cuidados básicos diários que deveríamos ter até mesmo sem pandemia, devem continuar. Não vamos nos tornar neuróticos, mas sim, pessoas mais esclarecidas e cuidadosas com a nossa saúde e a de quem está perto de nós. Sem coletividade, não vivemos bem nessa imensa comunidade que se chama planeta Terra.

E como hoje é véspera de natal, desejo a todos um feliz Natal, com todos os cuidados e protocolos né gente ( rsrs) e um ano novo cheio de saúde. Gratidão a todos que sempre acompanham minha coluna escrita com muito carinho.

 

Eu sou Prof. Enf. Nádia Teixeira e temos um encontro marcado aqui, ás quintas-feiras, na coluna Café com Saúde.

Instagram: @prof.nadia_cst

 

COMECE O SEU DIA COM MAIS SAÚDE E INFORMAÇÃO!

 

 

No comments yet.

Leave a comment

Your email address will not be published.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.