Kojima – O Restaurante Japonês Exótico

//Kojima – O Restaurante Japonês Exótico

Kojima – O Restaurante Japonês Exótico

Alguns podem pensar que falar de restaurante japonês é meio complicado, porque é tudo igual e coisa e tal. Mas isso é porque não conhecem ESSE restaurante japonês, o Kojima. Olha que eu sou do Rio e viciada em restaurante japonês e já frequentei mais de 100 restaurantes dessa culinária tão diversificada.

 

Para os que não conhecem ou torcem o nariz para comida japonesa vou contar minha experiência nessa senda que não tem mais volta. Eu passei seis anos fora do Brasil, quando tinha lá pelos meus 20 e poucos anos. Quando voltei só se falava em comida japonesa no Rio. Óbvio que eu achava aquilo repugnante. Mas de tanto minha melhor amiga insistir, eu resolvi ir com ela e comecei pelos pratos quentes. Fui gostando de um macarrãzinho aqui, um espetinho de camarão ou de alho ali e o Wasabi (pimenta japonesa, que não é o mesmo que raiz forte). Às vezes eu chegava a desentupir a sinusite de tanto wasabi que colocava no molho Shoyo.

E assim, bastaram três vezes, para que aos poucos, eu fosse me apaixonando por toda a culinária japonesa. Hoje não passo muito tempo sem ir a um porque sofro com a crise de abstinência. Se você ainda não tolera a ideia de ingerir peixe cru, dá um pulo lá no Kojima pra mudar de ideia.

O Kojima é diferente de tudo que já experimentei antes. Atendimento de excelência, cardápio totalmente diferenciado. O suco de frutas vermelhas é batido e vem espumando. Um espetáculo! A decoração exótica, toda em tons de vinho e avermelhada, faz sentir que a qualquer momento vai sair uma gueixa por trás das cortinas.

O ambiente é enorme e os garçons de uma presteza ímpar. E uma coisa muito importante é que as frituras não contem gordura trans, são todas feitas com Óleo de algodão, que eu nunca tinha ouvido falar antes. Mas quero mesmo é falar da culinária japonesa! Acho que com exceção do Sashimi (fatias de peixe cru) e do Shimeji (cogumelos), nunca tinha experimentado nenhum daqueles sabores. Claro que não consegui experimentar o cardápio todo, mas o que experimentei, me deixou ainda mais viciada em comida japonesa.

As entradas são, literalmente, de cinema. Não sei o nome de nenhuma. Cada uma mais bem decorada que a outra. Para começar fomos de rolinho primavera diferente, Harumaki. Menor que os rolinhos tradicionais, com a mesma massa do rolinho primavera e recheados  camarão com cream cheese. Nossa, comi logo de cara, três! My friend, vale uma viagem lá só para experimentar isso.

Olha aí a variedade de entradas que o Kojima tem! Camarão frito, cogumelos, Hot Filadélfia (rolinhos com peixe e cream cheese fritos), salmão temperado com limão! Meu Deus! Tenho que voltar lá correndo! E tudo isso incluído no rodízio. Eu mencionei que é rodízio? Pois é e custa R$72,90/pessoa. Sendo que no almoço é R$55,90/pessoa. Considerando que em qualquer restaurante a quilo, hoje em dia você paga 30,00 reais, esse é baratex!

      

Esse aqui embaixo é um enroladinho grande, de robalo com pepino e gergelim. Só no dicionário japonês deve ter palavras pra descrever essas delícias.

Os sushis todos diferentes com sabores ácidos, deliciosos. O sashimi de salmão e robalo, vem com dois outros tipos de peixes, que esqueci os nomes, selados (passados rapidamente na frigideira). Tchau! Estou saindo pra ir lá de novo…

O que completou minha nota 10 ao restaurante foi o fato de ter sobremesas de verdade. Nada daqueles doces de feijão, ou gelatinas, típicos dos japoneses, onde nunca na vida consegui comer sobremesa. A não ser aquelas bananas flambadas que são razoáveis. Pedimos um rolinho Romeu e Julieta – Harumaki 2 cores), que é a massa do rolinho primavera com cream cheese e geleia de goiabada dentro. Jesus salvai-me!

Experimentamos também os mini churros com sorvete. Gente, tenha dó né? Que delícia! E TINHA café também! Já viu restaurante japonês servir café? Pois é o Kojima tem. Agora você não pergunte como foi que eu e a Mônica, a jornalista/fotógrafa do jornal, conseguimos comer tudo isso. E dessa vez, você vai ter que entrar no site pra ver todas as fotos, porque aqui não cabem.

Fotos: Mônica Indig

Serviço:

Endereço: Rua 36 Norte Bl 06 Loja 35 – Felicittà Shopping
Tel: (61) 3436-2212
Horário de funcionamento:
Sábado, domingo e feriados: das 12:00 às 15:00
2ª, 3ª, 4ª e domingo: das 19:00 às 23:30
5ª a Sábado: das 19:00 às 00:30

Participe do Grupo de WhatsApp DFÁguasClaras – Envie nome e telefone para: patricia@dfaguasclaras.com.br

Juntos, podemos fazer uma cidade melhor! Vamos participar!!!
DFÁguasClaras – Nossa Cidade Passa por Aqui
Baixe o Aplicativo da cidade de Águas Claras (Grátis)
    

Participe do Grupo de WhatsApp DFÁguasClaras – Envie nome e telefone para: patricia@dfaguasclaras.com.br
No twitter siga: @DFAguasClaras
Instagram: DFÁguasClaras
Facebook: www.facebook.com/dfaguasclaras
Site: www.dfaguasclaras.com.br

No comments yet.

Leave a comment

Your email address will not be published.

%d blogueiros gostam disto: