Quando Teremos a Campanha Cidades Limpas?

//Quando Teremos a Campanha Cidades Limpas?

Cidades Limpas já removeu das ruas 71 carcaças de veículos

Ação mais recente foi na manhã desta quinta (25/05), em Samambaia, quando sete sucatas foram rebocadas. Proprietários que quiserem reaver o bem precisam levar documentação e pagar taxas pelo uso da área.

O programa Cidades Limpas, coordenado pela Secretaria das Cidades, já retirou 71 carcaças de carros abandonados das ruas no Distrito Federal desde que foi lançado, em novembro de 2016.

As sucatas largadas em áreas públicas podem ser usadas como esconderijo por criminosos. Permitem também acúmulos de água, que se tornam focos para proliferação do mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue, da febre chikungunya e do zika vírus.

Na manhã desta quinta-feira (25), houve retirada de veículos abandonados nas Quadras 501, 413, 833 e no balão da QN 501/502, em Samambaia. Ao todo, sete carcaças foram removidas e estão no pátio de serviços da administração regional, na Quadra QS 419, atrás do Centro Olímpico e Paralímpico.

Levantamento prévio, baseado em reclamações dos moradores, indicava a existência de pelo menos 30 carcaças nas ruas. Mas, com a operação em andamento, verificou-se que alguns proprietários providenciaram a remoção.

“A operação também serve para que as pessoas se conscientizem de que não podem largar esse tipo de bem em área pública”, observou o secretário das Cidades, Marcos Dantas.

Os carros abandonados foram retirados com apoio do Departamento de Trânsito do DF (Detran-DF). Os proprietários que quiserem reavê-los devem levar a documentação à administração regional.

Lá, precisam assinar um termo de responsabilidade, comprometendo-se a não mais abandonar o bem em via pública, e pagar as taxas pelo uso de área, tabeladas pela Secretaria de Fazenda. Caso não o façam, as sucatas poderão ser leiloadas.

Cidades Limpas fica em Samambaia até 2 de junho

Um dos principais focos é o combate a pontos irregulares de descarte de lixo. Lançamento da ação ocorreu na manhã desta segunda-feira (22), com o governador Rodrigo Rollemberg.

Depois de passar por 12 regiões do DF, o programa Cidades Limpas chega a Samambaia. Até 2 de junho, o mutirão com 186 trabalhadores atuará em serviços de limpeza, conservação e revitalização. A 15ª edição da operação coordenada pela Secretaria das Cidades foi lançada na manhã desta segunda-feira (22) pelo governador de Brasília, Rodrigo Rollemberg.

Lançamento da ação ocorreu na manhã desta segunda-feira (22), com o governador Rodrigo RollembergFoto: Dênio Simões/Agência Brasília

“Samambaia é uma região grande, importante, e agora vai receber essa presença maciça do governo, com todos os órgãos juntos trabalhando em parceria com a comunidade para deixar a cidade cada vez mais bonita e limpa”, disse o governador na solenidade de lançamento das ações.

Um dos principais focos do Cidades Limpas na região é o combate a pontos irregulares de descarte de lixo. Em ação prévia, a administração regional mapeou três locais usados para despejo clandestino de entulho: o Parque Ecológico Gatumé e as áreas verdes das Quadras 608/10 e 217/117. Também foram indicados cerca de 30 locais onde há acúmulo de lixo em menor proporção.

O secretário das Cidades, Marcos Dantas, ressaltou a importância da participação popular. “É preciso depositar lixo no local certo. A população precisa fazer a sua parte.”

“São doenças perigosas que podem levar até a morte, causam desconforto enorme. Ao mesmo tempo, além desse benefício, a redução significa diminuição na pressão sobre os hospitais”, completou Rollemberg.

O último informativo epidemiológico divulgado pela Secretaria de Saúde, em 17 de maio, apontou que o DF identificou 1.928 casos prováveis de dengue. Desse total, 1.653 são de moradores locais, e 275, de outras unidades da Federação.

Os números representam uma queda de 89,05% na incidência da doença em relação ao mesmo período de 2016. No ano passado, foram 17.623 registros.

Mutirão inclui recolhimento de carcaças de automóveis

O último grande mutirão em Samambaia ocorreu em outubro, quando a região foi atingida por forte temporal. No entanto, Rollemberg destacou outras ações do governo de Brasília em Samambaia, como a entrega de dois terminais rodoviários — na QN 527 e na QR 1333 —, a inauguração da sede do Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas), a abertura cinco creches e a instalação da nova sede do centro de línguas da região, além de obras de drenagem no centro da região.

CIDADES LIMPAS RETIRA SUCATAS DAS RUAS DO GUARÁ

O mutirão inclui ainda serviços da Polícia Civil para emissão da carteira de identidade, recolhimento de carcaças de automóveis abandonadas, troca de lâmpadas, revitalização de faixas de pedestres, pintura de quebra-molas e meios-fios e limpeza e desobstrução de bocas de lobo. Também haverá podas de árvore, roçagem de áreas verdes e operações tapa-buraco.

Lançado em novembro do ano passado, o programa Cidades Limpas já passou pela Vila Planalto e por 12 regiões: Gama, Itapoã, Paranoá, Estrutural, Planaltina, São Sebastião, Brazlândia (duas vezes), Ceilândia (duas vezes), Guará, Sobradinho, Sobradinho II e Fercal.

Fonte: agenciabrasilia.df.gov.br
 Leia o pronunciamento do governador de Brasília, Rodrigo Rollemberg
 Leia mais em https://www.agenciabrasilia.df.gov.br/topicos/cidades-limpas/
Participe do Grupo de WhatsApp DFÁguasClaras – Envie nome e telefone para: [email protected]
Juntos, podemos fazer uma cidade melhor! Vamos participar!!!
DFÁguasClaras – Nossa Cidade Passa por Aqui
Baixe o Aplicativo da cidade de Águas Claras (Grátis)
    
Participe do Grupo de WhatsApp DFÁguasClaras – Envie nome e telefone para: [email protected]
No twitter siga: @DFAguasClaras
Instagram: DFÁguasClaras
Facebook: www.facebook.com/dfaguasclaras
Site: www.dfaguasclaras

No comments yet.

Leave a comment

Your email address will not be published.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.