fbpx

Baixa procura por vacina preocupa, e GDF fará campanha publicitária

//Baixa procura por vacina preocupa, e GDF fará campanha publicitária

Baixa procura por vacina preocupa, e GDF fará campanha publicitária

 

Por Pablo Giovanni  | 📷 Foto: Geovana Albuquerque/Agência Saúde DF

05/05/2021 09:25, atualizado às 09:30 de 05/05/2021 

 

Nos últimos meses, o Governo do Distrito Federal (GDF) faz campanhas publicitárias incentivando idosos e grupos prioritários de vacinação à procurarem os locais de vacinação na capital, seja ilustrando a realidade ou campanhas chamativas. Com a baixa procura por vacina, o governador Ibaneis Rocha (MDB) publicou, em sua conta no Twitter, na última segunda-feira (3/5), um alerta informando à população que todas as vacinas são seguras e eficientes contra a Covid-19.

“Nós abrimos a vacinação para o público de 60 anos na sexta-feira passada e, pela primeira vez, houve baixa procura. Nós acreditamos que isso ocorreu porque estão querendo escolher a vacina que querem receber, mas isso não é possível e nos atrapalha na gestão da imunização”, disse o governador.

“Faço um apelo para que todas as pessoas com mais de 60 anos busquem os postos de vacinação tanto para a primeira dose quanto para a segunda, porque só vamos superar essa crise na medida em que as pessoas forem vacinadas”, disse.

 

Campanhas

Com isso, o governo prepara novas campanhas publicitárias convidando à população a comparecer nos locais de vacinação. Na tradicional coletiva da Secretaria de Saúde e Casa Civil, o secretário de Saúde afirmou que as vacinas disponíveis são confiáveis e seguras e que não é necessário ter medo.

“As duas marcas disponíveis no Brasil são igualmente confiáveis e seguras, por isso não há o que temer”, reforçou o secretário. “Se você estiver no perfil autorizado, procure logo um posto de vacinação”, disse Osnei Okumoto.

Segundo próprios relatos da secretaria, muitos idosos do novo grupo contemplado – idosos com 60 e 61 anos – estão recusando doses de farmacêuticas e querendo escolher marca vacina e, após a chegada do primeiro lote das doses da Pfizer, grande maioria dos idosos estão “esperando” o início da vacinação com este imunizante. Entretanto, segundo o secretário da Casa Civil, os imunizantes estarão reservados para o início da vacinação de pessoas com comorbidades.

“A fila anda, vamos ter de dar continuidade ao processo de cobertura. Temos grupos loucos para vacinar, como metroviários e professores e não podemos parar a campanha por conta de poucas pessoas que querem escolher. A melhor vacina é aquela que está lá pra você”, argumentou Divino Valero, subsecretário de Vigilância à Saúde.

“Tem mais de 37 mil pessoas que não quiseram tomar a AstraZeneca e isso é muito preocupante”, sintetizou o subsecretário.

 

 

Faz o seguinte, nos acompanhe nas nossas redes sociais. Dessa forma você fica sabendo primeiro DFÁguasClaras
Participe do Canal DFÁguasClaras de notícias e bastidores no TELEGRAM – https://t.me/dfaguasclaras
Além disso, para participar do nosso grupo de Whatsapp DFÁguasClaras, envie seu número para [email protected]
(Somente assuntos de Águas Claras).
Grupo DFÁguasClaras no Telegram (Capacidade de 100 mil membros): Envie email solicitando o ingresso [email protected]
DFÁguasClaras – Nossa Cidade Passa por Aqui!
No twitter siga: @DFAguasClaras
Facebook: www.facebook.com/dfaguasclaras
Youtube: www.youtube.com/dfaguasclaras

Você pode assinar o nosso PODCAST nas principais plataformas de áudio!

Spotify: https://open.spotify.com/show/2nS3gHAS4NacTdNbulW9bv?si=HePXG9zBToWZyZgWeP03fA

Podcast ITunes: https://podcasts.apple.com/br/podcast/df-aguas-claras/id1499932772

Google Podcast: https://podcasts.google.com/?feed=aHR0cHM6Ly9hbmNob3IuZm0vcy9kYmI3ODhjL3BvZGNhc3QvcnNz

Todo projeto do DFÁguasClaras foi pensado de forma compartilhada e comunitária, por isso hoje carregamos a responsabilidade e o orgulho de ajudar Águas Claras a ser uma cidade melhor.